Por Dra. Erica Mantelli

Em primeiro lugar é preciso entender que peito é fábrica e não estoque! Ou seja, cerca de 80% do leite materno é produzido na hora da amamentação, e não antes! Por isso a mamãe que amamenta não precisa ficar com a mama cheia, vazando leite. Quando a amamentação é estabelecida, o leite será produzido de acordo com a demandada, sem desperdício.

O que mais aumenta a produção de Leite Materno é a hidratação (cerca de 4 litros de água por dia) e o mecanismo de sucção. Quanto mais o bebê sugar, mais leite será produzido.  Lembre-se de manter uma dieta balanceada e não ficar muitas horas em jejum. Dietas restritivas podem diminuir a produção de leite, assim como exercícios extenuantes, sem acompanhamento profissional.

Confira 16 dicas para aumentar a produção de leite materno:

1- Beba muita água e líquidos em geral (exceto bebida alcoólica)

2- Ofereça a mama quantas vezes o bebê solicitar (livre demanda)

3- Preste atenção se a pega do bebê está correta. Procure ajuda profissional caso perceba que a pega ou posição do bebê está inadequada. Algumas alterações anatômicas no bebê também podem prejudicar a amamentação (ex: fenda palatina)

4- Descanse! Quem amamenta precisa dormir e descansar sempre que possível!

5- Não se estresse! O estresse libera hormônios que interferem na amamentação. A produção de leite começa na cabeça! Então é preciso estar relaxada.

6- Faça ordenha manual ou com bomba de extrair leite após parar de amamentar seu bebê. Tire leite nos intervalos das mamadas ( estimulando sempre suas mamas)

7- Ofereça as duas mamas após a primeira já ter sido esvaziada.

8- faça ordenha manual ou com com a bomba em uma das mamas enquanto amamenta o bebê com a outra (ao mesmo tempo)- o cérebro entende que você está amamentando gêmeos, e por isso a produção tende a aumentar

9- Só tome anticoncepcional se o médico receitar e avise que está amamentando ( pois alguns tipos interferem na amamentação)

10- Só use medicamentos prescritos por médicos. Alguns medicamentos são utilizados para tentar aumentar a produção de leite, porém podem ter efeitos colaterais. O uso de medicamentos deve ser a última alternativa e só realizado se for indicado pelo seu médico.

11- Evite uso de fórmulas e complemento, pois quanto mais fórmula o bebê tomar, menos leite materno vai sugar. Porém, se o pediatra / nutricionista indicou a fórmula é porque seu bebê precisa, então siga as orientações dele.

12- Evite ao máximo o uso de bicos artificiais. Muitas vezes o bebê fica sugando sem estar com fome. Isso é chamado de sucção não nutritiva e faz parte do desenvolvimento emocional do bebê. Deixar o bebê no peito nesse momento também ajuda a aumentar a produção pois a mama fica sendo estimulada constantemente.

13- Faça compressão mamária enquanto amamenta. É uma ordenha manual enquanto o bebê está mamando. Isso ajuda a drenar o leite, esvaziar mais rápido a mama, aumentando a oferta de leite e fazendo com que a produção aumente. Pode ser usada quando o bebê também está bem sonolento e dorme rápido ao iniciar as mamadas.

14- Alguns chás apresentam a fama de aumentarem a produção de leite devido aos seus componentes, principalmente erva doce e funcho. Evite chás diuréticos e excesso de cafeína.

15- Cigarro diminui a produção de leite materno. Evite ao máximo o tabagismo.

16- Não hesite em procurar ajuda profissional. Médicos, enfermeiros, consultores de aleitamento, fonoaudiólogos, nutricionistas, todos podem juntos agregar muito conhecimento e ajudar no processo da amamentação.

2017 © Copyright - Dra. Erica Mantelli | Ginecologista e Obstetra
CRM-SP 124.315 | RQE 36685

   

Design by formulaideal