Sexologia

Especialidade que estuda o comportamento sexual.
O tratamento tem como objetivo corrigir disfunções sexuais para promover uma adequação sexual e ajudar o paciente a vivenciar sua sexualidade de maneira plena e satisfatória.

 

As disfunções sexuais femininas mais comuns são desejo sexual hipoativo (diminuição ou ausência de libido), disfunção na fase de excitação (lubrificação inadequada), dor gênito-pélvica (dor na relação sexual e vaginismo) e disfunções com o orgasmo (dificuldade ou ausência).

 
É preciso entender que a sexualidade não depende apenas de fatores hormonais, mas também está relacionada com doenças em outros órgãos (hipertensão, diabetes, alterações da tireóide, etc), estilo de vida, hábitos, uso de medicamentos, auto-estima, tipo de relacionamento, cultura, religião e educação sexual. Por isso a importância de um profissional qualificado para diagnóstico adequado e para auxiliar na busca da vivência sexual de uma maneira satisfatória.

 
O tratamento multiprofissional é muito eficaz para a grande maioria dos pacientes, que se sentem motivados a buscar melhora na qualidade de vida.

Comentar